São Paulo: +55 (11) 3284.8474   Demais Regiões: 4020.9737
SOLICITE UMA PROPOSTA

Mensure com o Google Analytics o retorno do e-mail marketing na sua agência

Mensure com o Google Analytics o retorno do e-mail marketing na sua agência
4
Mar
10 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 1 LinkedIn 9 10 Flares ×

Nós, brasileiros, temos certa resistência em medir resultados nas estratégias de marketing de relacionamento, incluindo a área de marketing digital. Sabemos, no entanto, que não há outra forma de saber se estamos fazendo a coisa certa se não avaliarmos os resultados que comprovam o retorno do investimento.

O e-mail marketing é uma das ações básicas do marketing digital e, em muitas agências de turismo, é usado quase que de forma intuitiva sem maiores preocupações com os resultados, com a manutenção de clientes ou com a prospecção de novos. Qual é a dificuldade? As ferramentas de medição? Mas, agora com a disponibilidade gratuita do Google Analytics, a resistência à mensuração fica difícil de explicar.

Basta ter o Analytics em seu site para ter acesso à interface e levantar informações básicas, como o número de visualizações do site (se está subindo ou descendo), quanto tempo o internauta permanece navegando e, principalmente, de onde se origina esse internauta. A partir daí, é analisar as informações e direcionar seu e-mail marketing de forma profissional.

Dados

Nos relatórios do Google Analytics, esses dados chegam praticamente “mastigados”:

1) Número de visitantes no período
A configuração básica é de 30 dias. Você tem acesso, além do tráfego total, a frequência do público no site;

2) Visitantes únicos
São aqueles navegantes que estiveram no site apenas uma vez. Com o dado é possível confrontar com outros períodos e saber se ele está retornando. Ele pode ser, por exemplo, um viajante frequente e estar comparando preço de passagens  e de hotéis.

3) Taxa de Rejeição (Bounce Rate)
Esse percentual informa o número de internautas que visualizaram uma única página e se foram. Atenção a esse dado: é importante que a homepage apresente um alto índice de retenção inicial.

4) Duração média da sessão
Esta métrica te dá qual é a média de duração de visitas.

5) Páginas por visita
Se o internauta passou pela home, quantas páginas mais ele visitou? Aqui você encontrará essa média. Quanto maior o número de páginas visitadas, maior será o interesse pelo conteúdo e, portanto, maior a possibilidade de ele se tornar um cliente.

Fontes de tráfego

É muito importante detectar as fontes de tráfego que trouxeram o internauta ao site da agência. Após a instalação do Google Analytics, você terá como conhecê-las e, assim, direcionar as campanhas e, depois, mensurá-las, sempre com a ajuda da ferramenta. No relatório intitulado Visão Geral da aquisição, o Analytics apresenta as alternativas:

1) Busca orgânica
São os internautas que vieram ao site por meio de buscas por palavras-chave, tais como agência de turismo, pacotes para certo destino, ou viagens para outros países.

2) Busca social
Referem-se às visitas geradas pelos blogs ou pelas mídias sociais, como Twitter, Facebook, e outros. Aqui você tem como medir se as suas ações nas redes sociais estão sendo bem-sucedidas.

3) Referências
Nesse caso, são elencadas as visitas que chegam ao site da agência, a partir do envio de outro site. Se a sua empresa, por exemplo, for mencionada em um jornal ou newsletter, junto ao link da sua página, o internauta será direcionado à sua homepage.

4) Buscas pagas
Aqui se enquadram as visitas geradas por anúncios veiculados no Google Adwords (links patrocinados) ou no Google Adsense.

5) E-mails
Sim, nessa opção da Visão Geral da Aquisição, você terá como medir os resultados das suas ações do e-mail marketing. Aqui são apresentadas todas as visitas originadas do seu e-mail. Portanto, mãos à obra, quanto melhor direcionados os e-mails marketing, melhores serão os resultados que você poderá encontrar no Analytics e, assim, demonstrar a qualidade dessa poderosa ferramenta de marketing de relacionamento.

E você, já está usando o Google Analytics  em sua agência de turismo? Compartilhe conosco as dicas específicas para a sua área.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

10 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 1 LinkedIn 9 10 Flares ×