São Paulo: +55 (11) 3284.8474   Demais Regiões: 4020.9737
SOLICITE UMA PROPOSTA

4 motivos para não comprar uma lista de e-mails

4 motivos para não comprar uma lista de e-mails
30
May
8 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 2 LinkedIn 6 8 Flares ×

A compra ou aluguel de listas de e-mails é um meio rápido para construir uma base de dados para as suas campanhas de e-mail marketing. Apesar de ser uma prática não recomendada e ilegal, é ainda bastante comum. A facilidade e o custo de aquisição consideravelmente inferior ao de gerar uma lista própria são os argumentos mais utilizados. Contudo, as desvantagens desta ação são muito maiores que os benefícios. A médio e longo prazo, o custo da ação acaba saindo mais caro do que você imagina! Ainda não está convencido? Confira 4 motivos para não comprar uma lista de e-mails:

É crime previsto em Código Penal

Embora não seja comum se deparar com casos de punição, a prática de compra de lista de e-mails é considerada crime previsto no Código Penal, pois a legislação considera que as informações pessoais foram repassadas sem a autorização e o conhecimento deste contato. Caso o receptor se sinta lesado e venha a formalizar uma reclamação por aquisição indevida de dados, sua empresa será punida.

Má qualidade dos contatos

Apesar de robusta, as listas de e-mails compradas ou alugadas não são segmentadas. Como o contato não espera receber o seu conteúdo, é provável que ele nem mesmo tenha interesse nele. Possivelmente estes endereços recebem outras diversas mensagens, o que aumenta consideravelmente as chances do seu e-mail ser identificado como spam ou nem mesmo ser visto devido ao volume de informações. Um outro fator relevante é que muitos destes endereços já foram desativados ou são inexistentes (robôs), o que impacta na reputação negativa da sua infraestrutura de disparo pelos provedores. Isto se deve ao fato de que eles identificam a sua lista como desatualizada ou como má construída.

Capacidade de entrega de e-mails reduzida

Há grandes possibilidades de sua mensagem ser identificada como spam. Pior ainda: o seu endereço de IP pode ser notificado como spammer e não aparecer nem mesmo na caixa de spam do usuário. Isto impacta diretamente no retorno sobre o investimento. Considerando um destes cenários, o fator quantidade, que tanto o motiva a comprar listas de e-mails, perde força. Por isto, a qualidade deve ser sempre a prioridade da sua lista.

Compromete a imagem de sua empresa

Como o cliente não optou pelo recebimento das informações de sua empresa, a imagem da marca é comprometida perante o destinatário que não a conhece e, em grande parte dos casos, não se interessa pela sua oferta. A sua empresa pode ser vista como invasiva e desrespeitosa por ele, já que prevalece a incógnita sobre como a sua empresa conseguiu o endereço para envio da mensagem.

Investir em uma lista de contatos qualificados pode ser um processo mais demorado, mas sem sombra de dúvidas é a melhor forma de manter relacionamentos que fomentem as conversões. Lembre-se sempre que quantidade não representa retorno. Por isto, é melhor ter uma base menor interessada em sua empresa, produtos ou serviços que uma maior trazendo consequências como processos, comprometimento da sua infraestrutura de disparos e da imagem da sua marca.

Preparado para montar a sua estratégia de captação de leads?

Acesso o conteúdo na íntegra

Comentários

  • 24 de outubro de 2014

    Olá, eu tenho um blog e pesquisei agora sobre listas de e-mails e é absurda a quantidade de sites que vendem listas de e-mails, com certeza são lista de decima qualidade e para quem está querendo desenvolver uma negócio de longo prazo que seja rentável por muito tempo não pode se queimar comprando lista e enviando e-mails para quem não solicitou. Parabéns pelo seu site e pelo post que fala muito bem sobre o assunto.

    • Akna
      20 de abril de 2015

      Agradecemos Luis!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

8 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 2 LinkedIn 6 8 Flares ×